in

Diferenças Entre Tipos de Sal

Estava numa conversa sobre sal no outro dia, em especial sal dos Himalaias e como era bom etc etc, e deu-me a ideia para criar este artigo, que tipos de sal é que existem e será que são todos iguais ou existem diferenças?

Dois Pontos que Diferenciam todos os Tipos de Sal

  1. Partículas misturadas com o sal – Que outros minerais, impurezas ou aditivos o sal tem, por exemplo sal dos Himalaias tem uma cor rosa/avermelhada porque tem partículas de ferro misturado, mas não deixa de ser entre 100% a 98% Cloreto de Sódio, ou sal marinho pode ter um aspeto mais escuro ou turvo porque contem outros minerais ou até pequenos detritos de plancton dentro deles.
  2. Tamanho, estrutura e densidade dos cristais ou flocos de sal – Sal pode ter diversas estruturas dependendo de como é produzido ou captado ou moído isso cria estruturas diferentes, por exemplo a diferença entre sal grosso e sal fino, um tem uma moagem mais fina que o outro.

Agora vão dizer, então mas por exemplo sal fino tem um sabor diferente que sal grosso, pois isso é mais perceção do sabor, visto que um tem pedaços grandes que demoram mais tempo a dissolver na boca e o outro tem pedaços mais pequenos e logo dissolve-se com facilidade…

Ahhh mas o sal de Hokaido tem um sabor diferente do sal Escocês! Pode até ter umas ligeiras diferenças, porque tem outras partículas que podem modificar ligeiramente o sabor, mas depois de dissolvido ou absorvido por outros alimentos é praticamente impossível distinguir entre qualquer tipo de sal, logo não existe realmente uma diferença entre usar um tipo ou outro, em função e resultado são todos Cloreto de Sódio.

Então mais vale comprar sempre o sal mais barato? Sim… e não, sim no sentido que o ponto mais importante na escolha de sal é o formato do sal e não os seus componentes ou origem, isto é não interessa tanto se é flor de sal, sal dos Himalaias ou sal marinho, mas sim se é sal grosso, sal fino, sal em pó, porque para pratos diferentes podem pedir diferentes formatos de sal, por exemplo para um grande naco de carne no forno é preferível usar sal grosso porque este vai dissolver mais lentamente e logo vai dar tempo para a carne absorver lentamente o sal, enquanto se usares sal fino arriscas o sal começar a escorrer de cima da carne ou a temperar só mesmo o exterior.

Tipos de Sal Culinários (Por ordem de Moagem)

  • Sal em Pó ou Sal de Pipocas, Sal de Pickles – É um tipo de sal menos comum, mas muito usado para pipocas porque ao ser tão fino este consegue agarrar melhor a pipoca e claro dissolve facilmente.
  • Sal Fino ou Sal de Mesa, Sal Comum – É o sal que conhecemos tem uma moagem fina e é perfeito para especialmente temperar coisas no momento e nada mesa quando precisamos algo que salgue rapidamente e dissolva com facilidade.
  • Sal Kosher – Muito popular nos Estados Unidos, basicamente é um sal de mesa com uma moagem um pouco mais grossa, é muito usado para pratos de carne.
  • Sal Grosso, Sal de Pedra, Flor de Sal, Sal Marinho – É sal com uma moagem grossa normalmente com cristais irregulares, este dissolve-se muito mais lentamente e tem uma textura estaladiça, bom para pratos de carne ou temperar coisas que ainda demorarem a cozinhar para ter tempo de dissolver.
  • Sal de Pretzel – Cristais grandes de sal, muito usado nos famosos biscoitos salgados Pretzel, normalmente são do tamanho de sal grosso ou em Pretzle grandes são cristais um pouco maiores, são estaladiços e dão aquele toque salgado característico destes biscoitos.
  • Sal Grosso – Volto a pôr porque existem diferentes moagens e umas criam cristais ainda maiores, também existem diferenças entre por exemplo o sal grosso português e o sal grosso brasileiro, como também mudam entre marcas e empresas de sal, por isso algumas versões podem ter cristais mais pequenos e outras cristais bastante maiores, sal grosso pode ir de sal kosher até cubos de sal! ;D

Que tipos de sal é que precisas? Hummm sal fino e sal grosso ou se só poder escolher um então é sal grosso porque podes sempre moer o sal grosso e criar o teu próprio sal fino ou usar um moinho de sal ou especiarias para moer o sal grosso.

Então todos os outros tipos de sal exóticos não valem a pena? Não diria isso, eles tem o seu lugar na culinária, se não pela sua função então pelo seu aspeto, por exemplo se fores fazer um prato ou bebida em que o sal é um ponto importante usar sal preto ou sal rosa do Havai pode ser algo especial, também se é um prato tradicional que pede um tipo especifico de sal é sempre importante seguir a receita também porque esse sal numa quantidade especifica vai ter um resultado muito mais exato, mas sim na maioria das situações sais exóticos não são obrigatórios.

E para finalizar compra sal da tua região ou pais, é um produto barato e que faz parte da tua culinária, ver pessoas a comprar sal americano ou sal francês ou sal dos Himalaias é um pouco comprar modas….

Por isso e para finalizar só precisam de saber que praticamente todos os tipos de sal são iguais, e que é muito mais importante a moagem do sal do que a proveniência, visto que o sabor a sal vai sempre sobrepor-se a quaisquer outras impurezas ou aditivos! E já está, espero que tenham gostado do artigo e até a próxima! ;D

Deixa o teu comentário :)

Waffer de Chocolate “Miúda” com Amendoins

Costeletas de Borrego com Feijão Verde